Sindiserv repercute fechamento do Postão 24H na Câmara de Vereadores

Um ano após o fechamento do Pronto Atendimento 24 Horas (PA 24 Horas) motivou a presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias do Sul (Sindiserv), Silvana Piroli, a ocupar a tribuna do Legislativo, na manhã desta quinta-feira (17/10). “A angústia dos servidores e dos trabalhadores, usuários desse serviço, não vem só deste ano. Os princípios do Serviço Único de Saúde (SUS) garantem a todos os trabalhadores e moradores da cidade um sistema público de saúde universal”, destacou Silvana.

A presidente do Sindiserv explicou que é necessário que o Executivo respeite o Conselho Municipal de Saúde, que não aprovou o fechamento e a terceirização do PA 24 Horas. Segundo Silvana, a atitude do Executivo confronta a legislação do município. Além disso, sublinhou que o Sindiserv e funcionários da área da saúde se reuniram com secretários municipais para sugerir melhorias no Postão sem a necessidade de fechá-lo. “Neste ano em que o Postão esteve fechado, se perdeu tempo, dinheiro, investimentos e pessoas sofreram”, declarou. Na opinião da dirigente, a falta de profissionais na rede municipal de saúde, com o aumento desproporcional de exonerações e aposentadorias, tem a intenção de forçar terceirizações dos serviços de saúde do município. Silvana afirma também que o plano de contingência prevê atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), porém, elas não possuem estrutura física para receber as demandas de novos servidores.

Após a manifestação da presidente do Sindiserv, funcionalismo e comunidade que estavam presentes no plenário cantaram parabéns pelo ano de fechamento do PA 24 Horas.

Logo mais, às 17h30, haverá concentração na praça Dante Alighieri com ato público.

Fonte: ASCOM – Câmara de Vereadores

X