Sindiserv define calendário de lutas em assembleia da categoria

Em assembleia da Campanha Salarial 2021 que reuniu mais de 300 servidores, na noite desta quarta-feira (14), o Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias do Sul em conjunto com a categoria, definiu pela mobilização dos trabalhadores em busca da reposição das perdas salariais, um direito adquirido em 1993, pela restituição do passivo atuarial da Prefeitura em relação ao Fundo de Aposentadoria e Pensão do Servidor (FAPS), dentre outras reivindicações.

Foi aprovado um calendário de ações que inicia nesta quinta-feira (15) com a entrega de camisetas que reforçam a importância do serviço público para a cidade, carreatas, atos e outras movimentações.

FAPS

O encontro foi conduzido pela presidente do Sindiserv, Silvana Piroli, com a participação da presidente do Conselho do FAPS, Rosângela Dalla Vecchia que, inicialmente, apresentou a situação do passivo atuarial e a necessidade de equação da dívida do município com o fundo dos trabalhadores que se estende por muitos anos. “Na próxima semana, faremos reuniões online com servidores ativos e inativos para explicar a realidade. E após muito estudo e a contratação de uma assessoria externa tivemos um panorama real sobre o FAPS e precisamos debater isso com os colegas”, assinala Silvana.

Reposição da inflação

De janeiro até o final de março de 2021, a decomposição salarial foi de 4,49% de acordo com o cálculo apresentado pelo DIEESE, ou seja, para cada R$ 100,00, cerca de R$ 4,5, são subtraídos do bolso dos trabalhadores. A alta da inflação impulsionada pelo aumento do combustível, dos fármacos e da cesta básica contribuem para a sensação de esvaziamento do poder de compra. Os servidores presentes foram unânimes em definir que a luta será o principal caminho a ser percorrido. “O slogan, “para levantar a cidade, serviço público de qualidade” demostra que quem ergue a cidade são os servidores, com muito esforço, dedicação e vontade. Estamos na linha de frente, atuando na saúde, saneamento, educação, segurança e assistência, com os avanços congelados pelo governo e aposentadorias sendo adiadas para dar conta. O mínimo que precisamos é de reconhecimento”, destaca.

Confira o calendário de lutas e participe!

Dia 15/04 – Entrega de camisetas no carro na garagem do SINDISERV das 16h às 18h

Dia 16/04 – Entrega de camisetas no carro na garagem do SINDISERV das 16h às 18h

Dia 16/04 – Sindicato e Comissão de negociação procurar SMRHL

Dia 19/04 – Visita as principais secretarias (onde concentram mais servidores)

Dia 19/04 – Entrega de camisetas no carro na garagem do SINDISERV das 11h às 13h

Dia 19/04 – Reunião com a PGM para discutir a trimestralidade

Dia 22/04 – Plenária com Servidores Inativos às 16 pelo zoom

Dia 27/04 – Plenária com Servidores Ativos às 18h30 pelo zoom

Dia 30/04 – Atos contra a reforma administrativa e pela trimestralidade

Avatar para redes sociais

Articular moção contra a privatização da CORSAN (plebiscito)

 

X