Sindiserv participa do Dia Nacional de Mobilização: Vacina para Tod@s!

Para marcar o Dia Nacional de Mobilização, nesta quarta-feira 24, às 14h,  o Sindiserv participa de uma atividade conjunta com entidades que integram o Comitê Popular de Crise, os movimentos sociais e dos trabalhadores, em frente o Centro Administrativo Municipal, com o objetivo de apresentar as reivindicações que são:

1.Lockdown por, no mínimo, quatorze dias;

2.Vacinação em massa;

3.Garantia de reforço na infraestrutura dos serviços de saúde;

4.Auxílio emergencial municipal e medidas econômicas;

5.Participação popular no gabinete de crise e acesso aos dados da Secretaria da Saúde.

Veja a carta na íntegra AQUI

CONFETAM: Vacina para todes!

Live será retransmitida na página do Sindiserv no Facebook

A Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT) lança na data a Campanha “Vacina para Todes”. Com ato político nacional de lançamento marcado às 18 horas e transmissão ao vivo pelo Facebook e YouTube da entidade, a Campanha do Ramo dos Servidores Municipais CUTistas cobra urgência na vacinação em larga escala no país voltada a desacelerar os efeitos da pandemia do novo coronavírus. Com diversas peças de comunicação, a proposta da Campanha é ganhar os municípios de todo o Brasil, pressionando autoridades públicas de todas as esferas.

Já confirmaram participação no lançamento virtual Mychelle Alves Monteiro, pesquisadora em Saúde Pública e presidenta do Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz (Asfoc/SN), Sérgio Ronaldo da Silva, secretário-geral da Confederação dos Trabalhadores do Serviço Público Federal (Condsef), Denise Dau, secretária subregional para o Brasil da Internacional de Serviços Públicos (ISP), Alexandre Padilha (PT/SP), deputado federal e ministro da Saúde do governo Dilma, Célia Regina Costa, diretora da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social (CNTSS), e Renilson José Pereira de Oliveira, presidente da Federação Nacional dos Servidores Públicos Estaduais e do Distrito Federal (Fenasepe).

Protesto contra a Reforma Administrativa

A atividade também contará com a presença de dirigentes das federações estaduais filiadas à Confetam/CUT e de sindicatos de servidores públicos municipais de todo o país. Juntos, eles e elas protestarão contra a Reforma Administrativa, prevista na Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 32/20. A PEC, que acaba com a estabilidade dos servidores e servidoras públicas, tramita na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, com previsão de votação na próxima semana.

O Dia Nacional de Mobilização ocorre no momento de maior gravidade da pandemia da Covid-19 no Brasil, com o sistema de saúde à beira do colapso em todo o país, quase 300 mil brasileiras e brasileiros mortos e o número diário de vítimas aumentando a cada dia. Por isso, neste 24 de março, as servidoras e servidores públicos municipais lutarão por “Fora Bolsonaro!”, em defesa da vacina para todes, e dos serviços públicos gratuitos e universais para a população!

X