XI Conferência Municipal de Saúde acontecerá nos dias 12 e 13 de abril

Comunidade terá a oportunidade de deliberar por um sistema de saúde democrático e de qualidade

Está marcada para os dias 12 e 13 de abril, a XI Conferência Municipal de Saúde promovida pelo Conselho Municipal de Saúde (CMS), na Câmara Municipal de Vereadores.

As deliberações serão encaminhadas para a Conferência Estadual de Saúde, que ocorre nos dias 24, 25 e 26 de maio e seguem para a 16ª Conferência Nacional de Saúde, em Brasília, de 4 a 7 de agosto.

O tema central da Conferência é “Democracia e Saúde” e os eixos temáticos são Saúde como direito, Consolidação dos princípios do SUS e Financiamento do SUS.

As conferências são espaços democráticos e deliberativos de construção das políticas públicas voltadas para o setor da saúde. Os encontros são formados por representantes do governo, profissionais da saúde, movimentos sociais e a comunidade em geral que discutem a situação do sistema de saúde disponível à população, corrigindo as deficiências do SUS, confirmando o correto e discutindo o novo.

A convocação da 16ª Conferência Nacional de Saúde foi publicada no Diário Oficial da União através do Decreto nº 9.463/2018.

Saiba mais

O que: XI Conferência Municipal de Saúde na
Quando: dias 12 (das 19h às 22h) e 13 de abril, às 19h
Onde: Câmara de Vereadores
Quem: Todos os interessados em auxiliar na construção de um SUS democrático, publico, gratuito e de qualidade.

Cronograma

Sexta-feira

19:00 Mesa de Abertura

19:15 Leitura e aprovação do regimento da Conferência

20:00 Mesa “Dos percursos às Construções” com Luís Bolsan*

Sábado

08:40 Credenciamento 09:00 Mesa “Controle Social: Protagonismo e Autonomia” com Fernando Pigatto**

10:00 Grupos de Trabalho

Eixo I – Saúde como direito

Eixo II – Consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde (SUS)

Eixo III – Financiamento adequado e suficiente para o SUS

12:00 Almoço

13:30 Plenária Final

16:30 Eleição Delegados para Estadual

Luís  Carlos Bolzan é psicólogo, especialista em psicologia da saúde, mestre em gestão pública, Ex presidente do CESRS, EX conselheiro do CNS, ex diretor do DENAUS, a auditoria do MS, ex diretor da Ouvidoria do MS, ex presidente do COSEMS, ex secretário municipal de Saúde de Novo Hamburgo e de São Francisco de Paula, ex assessor da Comissão de Saúde e Meio Ambiente da Assembléia Legislativa do RS. Consultor.

Fernando Zasso Pigatto é presidente do Conselho Nacional de Saúde (2018-2021), representante da Confederação Nacional dos Moradores (CONAM), onde ocupa o cargo de diretor de saúde. É formado em Gestão Ambiental pela Universidade Norte do Paraná (Unopar). Foi chefe de gabinete da Prefeitura Municipal de Santa Maria (2001), assessor no Projeto Consórcio Social da Juventude do Programa Primeiro Emprego do Governo Federal na região metropolitana de Porto Alegre, de (2005-2006) e assessor parlamentar na Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. Nos anos 2000, iniciou participação no movimento comunitário, sendo presidente da Associação de Moradores do Bairro Primavera e Secretário Geral da União de Vilas e Bairros (UVB) de Rosário do Sul. Atualmente também é presidente da Federação Gaúcha das Uniões de Associações de Moradores e Entidades Comunitárias (Fegamec). No CNS, foi coordenador da 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde, evento participativo responsável pela aprovação da Política Nacional de Vigilância em Saúde (PNVS).

 

 

Relacionados:

X