Sindiserv defende direitos dos servidores junto ao Executivo

O Sindiserv, por meio da presidente Silvana Piroli e da diretora de saúde, Maria Lourdes Back de Lima esteve reunido na quinta-feira (13), com o chefe de gabinete da Prefeitura, Cristiano Becker da Silva para tratar de três assuntos específicos: ações de controle da pandemia, o pagamento das licenças-prêmio e o repasse de 40% de insalubridade para os trabalhadores da saúde que atuam no combate à Covid-19.

Licenças-prêmio

Sobre os encaminhamentos das licenças-prêmio compensadas, Becker afirma que os pagamentos aos servidores que realizaram a solicitação em 2021 e não foram atendidos porque estavam em licença/férias, será feito nos próximos meses. “Nossa reivindicação é também para que sejam aceitos os protocolos de novos pagamentos, além da retomada da compensação de um numero maior de licenças mensal”, explica Silvana.  Becker garantiu o debate com a Administração e o retorno ao Sindiserv sobre o assunto.

Insalubridade aos profissionais da saúde

Diante da exposição diária dos profissionais da saúde que atuam na linha de frente no combate à Covid-19 e dos riscos que estão expostos, o Sindiserv, por meio da assessoria jurídica ajuizou uma ação* na qual solicita o adicional de 40% de insalubridade. “ Também ressaltamos a importância deste tema junto ao Executivo. Todos sabemos da alta carga viral à qual estão expostos os servidores da saúde, basta vermos o alto número de servidores afastados em virtude do vírus nesta semana. É justo que este ato de colocar a vida em risco seja recompensado nesta fase da pandemia”, destaca Silvana.

*Ação número: 5038674-38.2021.8.21.0010 (Ação foi ajuizada para buscar o pagamento da insalubridade em grau máximo para todos os trabalhadores das Unidades Básicas de Saúde por conta da pandemia do COVID. O processo está agora tramitando na Justiça Comum, no Foro de Caxias do Sul).

X