Legislativo aprova moção em defesa do serviço público e contra a Reforma Administrativa

Com apenas um voto contrário, vereadores aprovaram nesta quinta-feira a moção de repúdio contra a reforma que pretende acabar com os serviços à população

Nesta quinta-feira (15/10),  o Legislativo caxiense deu provas de que o serviço público é essencial e precisa ser valorizado. A moção de repúdio à Proposta de Emenda Constitucional 32/2020, também chamada de reforma administrativa foi aprovada pela maioria dos vereadores. O único voto contrário foi do representante do MDB, Paulo Périco.

Para a presidente do Sindiserv, Silvana Piroli, é um reconhecimento da categoria que comemora neste mês o Dia do Servidor e em especial, hoje, que é dia dos professores. “Esperamos que ecoe em Brasília, junto aos partidos que apoiam o governo Bolsonaro, a manifestação da Câmara de Caxias do Sul que é em favor de um serviço público de qualidade. Queremos valorizar os vereadores proponentes, aos que votaram a favor e agradecer aos servidores que se mobilizaram para garantir a aprovação”, frisa Silvana.

O documento foi uma solicitação do Sindiserv, tendo como proponentes os(as) vereadores(as) Denise Pessôa (PT), Alberto Meneguzzi (PSB), Alceu Thomé (PTB), Clóvis de Oliveira (PTB), Gladis Frizzo (MDB), Rafael Bueno (PDT),  Renato Oliveira (PCdoB) e Velocino Uez (PTB). “Manifestamos assim o apoio desta Casa à valorização do serviço público e à luta dos servidores contra a proposta de reforma administrativa que tramita no Congresso assim como os projetos que reduzem salários e jornada”, destaca o documento. Agora, a moção será enviada a Presidência da República, às lideranças dos partidos políticos no Congresso Nacional e ao Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias do Sul (SINDSERV).

Veja AQUI A MOÇÃO

Crédito: Pedro Rosano

 

X