Sindiserv verifica situações de relações de trabalho na GM

O Sindiserv, por meio do diretor de relações com o trabalho, Diames Rogério de Souza Silva, o secretário-geral, Valderês Fernando Leite e o delegado sindical e GM, Paulo Sérgio Ribeiro da Silva (Paulão) esteve reunido nesta quinta-feira (15/10) com titular da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Proteção Social (SMSPPS), Hernest Larrat dos Santos para tratar de assuntos ligados à Guarda Municipal (GM). Entre os temas abordados estão a realização de cursos presenciais e câmeras de monitoramento em posto de trabalho.

Captação de imagens
A instalação de uma câmera de segurança feita há alguns meses deverá ser reposicionada em um dos postos de trabalho da GM. A justificativa para colocação do equipamento é o monitoramento de equipamentos eletrônico. Porém, verificou-se que as imagens captam também o profissional em seu posto de trabalho. “O secretário se comprometeu em fazer o redirecionamento correto para cumprir com a finalidade do equipamento”, destaca Diames.

Condições para qualificação presencial
Os representantes também verificaram questões de segurança sanitária, relacionadas aos cursos de qualificação presenciais necessários os para profissionais da Guarda Municipal, exigidos pela Lei que rege a categoria. “Nossa preocupação é com a integridade dos servidores. Por isso, averiguamos todos os espaços e os protocolos de segurança. No entendimento do sindicato, a realização dos cursos em formato online seria a melhor alternativa, porém, consideramos adequado o formato presencial que nos apresentaram”, afirma Diames.

Qualificação ROMU e ANAC
Outra reivindicação foi a oferta dos mesmos cursos disponibilizados aos GM que compõem o Grupamento de Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) e aos servidores que atuam no aeroporto Hugo Cantergiani (Agência Nacional de Aviação Civil). “É necessário que todos os servidores da GM tenham acesso à mesma qualificação. Qualificação ROMU e ANAC oportunizada para estes grupos, entendemos que os serviços deverão ser ampliados em breve e isso coloca a todos em situação de igualdade para ocupar as funções”, observa o diretor de relações com o trabalho.

X