Sindiserv participará da Marcha Ocupa Brasília, na quarta (24/05)

O Sindicato dos Servidores estará presente na manifestação do dia 24, em Brasília, pedindo a renúncia do governo Temer e eleições diretas. Protestos acontecerão em Caxias e em todo país.

Após a delação premiada dos empresários Joesley e Wesley Batista, donos da JBS, que levou o Supremo Tribunal Federal (STF) a investigar Temer por suspeita de crimes de corrupção passiva, organização criminosa e obstrução da Justiça, o Brasil se movimenta para exigir Diretas já e o impeachment de Temer.

A CUT, os movimentos sindicais e sociais organizados somam força nessa luta e pretendem fazer uma grande manifestação na próxima quarta-feira (24/05). O Sindiserv faz parte da comissão municipal organizadora das atividades Fora Temer e Diretas Já, e estarão presentes lutando pelos direitos dos trabalhadores e por um Brasil sem corrupção.

De acordo com a presidente do Sindiserv, Silvana Pirolli, o movimento dos trabalhadores em Brasília é contra as reformas que tiram os direitos, que acabam com a aposentadoria. “Precisamos pressionar e mostrar que não aceitamos pagar a conta. Lutamos pela democracia, contra as reformas Trabalhista, Previdenciária, por tudo ocuparemos as ruas do Brasil para dizer fora Temer e Diretas Já!”

No domingo, (21/05) 19 estados mais o Distrito Federal protestaram contra o governo Temer. Cidades como Nova York, nos EUA e Bogotá, na Colômbia, também foram palco de protestos. Em Caxias do Sul dezenas de pessoas também se reuniram por volta de 16h na praça Dante Alighieri, para exigir a saída de Temer na defesa de Diretas Já.

Na quarta-feira, (24/05), o movimento volta às ruas, às 17horas na Praça Dante Alighieri.

X