Sindiserv propõe a municipalização da UPA

Nesta segunda-feira (20/12) estiveram em reunião na secretaria saúde a presidente Silvana Piroli e a diretora de saúde Maria de Lourdes Back de Lima juntamente com a secretária da saúde, Daniele Meneguzzi. No encontro foram debatidas questões relacionadas as UPAs da Zona Norte e Central. As rotatividades de trabalhadores têm sido recorrentes nos locais, por isso, o Sindiserv reinterou a necessidade da municipalização das UPAs. Também foi um momento de questionamento sobre o pagamento de adicional aos agentes comunitários e de combate a endemias. Segundo a secretária, a verba ainda não foi repassada. Outro ponto tratado foi sobre a agressão do servidor do CES. O Sindiserv reivindica a presença da Guarda Municipal para a proteção de servidores do CES

A presidente do sindicato Silvana Piroli solicita para que a Secretaria da Saúde repasse os gastos com profissionais da saúde das UPAs e que as mesmas tenham os serviços de servidores:  “O sistema da previdência não se sustenta se não houver nomeações de servidores e continuarmos terceirizando o serviço. O custo a médio prazo será maior com os terceirizados”, ressalta Silvana. Outra questão tratada é a necessidade de resolver as distorções da 409 e o plano de carreira. Essas medidas qualificam o serviço público.  É preciso que o servidor seja valorizado e que não haja terceirização, pois ela desmerece o servidor.

X