Carta de apoio aos professores da Rede Estadual de Educação

O Sindicato dos Servidores Municipais de Caxias do Sul (SINDISERV) vem manifestar-se solidário ao CPERS e servidores da rede estadual de educação contra as propostas do governador Eduardo Leite, que retiram direitos, aprofundam a miséria dos educadores(as) e confiscam dinheiro dos aposentados.

Os ataques incluem o fim de vantagens temporais (triênios e quinquênios) e da incorporação de gratificações, aumento do tempo de contribuição, difícil acesso apenas para escolas do campo e taxação de aposentados(as) que recebem um centavo acima do salário mínimo, sem prever qualquer compensação, além do congelamento dos salários de toda a categoria por anos.

Sabemos que vidas de jovens podem ser salvas através da Educação e ensino de qualidade se faz com servidores valorizados, com salários pagos em dia e condições adequadas de trabalho. Nós, servidores da rede municipal, enxergamos o empenho transformador dos que ainda podem garantir um futuro digno: os(as) professores(as).

As alternativas passam por abrir negociação e manter o diálogo, sem prejudicar ainda mais os trabalhadores. A política estadual que segue a cartilha neoliberal do país, desmotiva e desqualifica a categoria e neste caminho sem empatia, a população é a mais prejudicada. As escolas do Rio Grande do Sul merecem profissionais motivados, valorizados e sobretudo respeitados em seus direitos.

Solapar direitos dos que dedicaram uma vida ao serviço público e aos que estão se dedicando é uma forma cruel de governar. Os servidores não são responsáveis pelas dificuldades financeiras do estado, muito menos os professores. Não podemos aceitar que sobre eles recaia o ônus das soluções governamentais milagrosas.

Nenhum Direito a Menos – Sindiserv

X