Prefeitura arromba antiga sede do Sindiserv e impede acesso do Sindicato e servidores

Na manhã dessa sexta-feira, (08/06), os servidores foram novamente surpreendidos pela administração municipal. Desta vez, a antiga sede do Sindiserv foi arrombada por ordem do prefeito Daniel Guerra, que não só se apossou do imóvel sem nenhuma conversa ou acordo com a entidade como também impediu que o Sindicato e os servidores pudessem acessar o imóvel, ao trocar a fechadura e o cadeados.

O primeiro andar da Sede antiga é usado pelos servidores para eventos, festas e reuniões e atividades do programa Qualivida. As programações já agendadas tiveram que ser canceladas. “Infelizmente o maior prejudicado é o servidor, que não poderá usufruir um espaço que é dele”, enfatiza Rui Miguel, vice-presidente da entidade.

De acordo com a presidente do Sindiserv, Silvana Piroli, todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas para que o patrimônio dos servidores seja preservado. “Essa é a forma com que o prefeito valoriza o servidor, passando por cima de qualquer diálogo, querendo apagar a história de luta e de conquista, usurpando um patrimônio que é legítimo do servidor”, finaliza Silvana.

Relacionados:

    Nenhum post relacionado.

X